Pin Bar: Como usar para aumentar o lucro dos seus tradings

Pin Bar
Início > Blog > Pin Bar: Como usar para aumentar o lucro dos seus tradings

Se você está procurando maximizar seus lucros no daytrade ou swingtrade, então o Pin Bar é uma estratégia que você definitivamente deve considerar.

O Pin Bar é um tipo de padrão de candle que pode ser encontrado em qualquer período de tempo, desde minutos até gráficos mensais.

Aliás, o seu nome vem do fato de que o candle parece ter sido “empurrado” para cima ou para baixo pelo mercado.

Mas, se você ainda não está entendendo, fique tranquilo. Neste post, explicaremos o que são os Pin Bars, como você pode identificá-los no gráfico, além de apresentar estratégias para você aplicar e aumentar o lucro dos seus trades. Confira!

O que é uma Pin Bar?

Pin Bar é um tipo de padrão de candlestick que se forma quando o preço se move rapidamente para um lado e, em seguida, retorna rapidamente para o outro.

Assim, o corpo da vela é pequeno em relação às sombras superior e inferior.

Os Pin Bars têm um longo “cabo” que fica para fora do corpo da vela, geralmente na extremidade oposta do movimento do preço.

Por exemplo, se o preço estiver subindo e se formar uma Pin Bar bearish, o “cabo” será encontrado na parte inferior da vela.

Isso indicaria que, apesar do movimento ascendente do preço, houve uma forte pressão de venda que impediu que o preço subisse ainda mais.

Se este fosse um mercado de tendências de alta, isso poderia ser um sinal de reversão.

Na maioria dos casos, os Pin Bars são identificadas com facilidade porque elas se destacam no gráfico. No entanto, às vezes elas podem estar encobertas por outras velas e isso pode dificultar sua identificação.

A anatomia de um Pin Bar

O padrão tradicional do Pin Bar tem três partes:

  1. A “cauda” ou “pavio”, que é a parte do candelabro que se projeta para fora do corpo.
  2. O “corpo”, que é a parte principal do candelabro.
  3. O “nariz”, que é a parte pequena do candelabro que se projeta entre a cauda e o corpo.

Padrões de reversão do Pin Bar

Os padrões de reversão do Pin Bar se divide em duas categorias: o padrão de reversão de alta (Bullish) e o padrão de reversão de baixa (Bearish).

Como o próprio nome indica, o primeiro é usado ​​para mostrar uma reversão de tendência de baixa para alta enquanto o último é usado ​​para indicar uma inversão de tendência de alta para baixa. Vamos analisar cada um separadamente.

Padrão de Reversão de Alta – Pin Bar Bullish

Pin Bar de Alta

O padrão bullish Pin Bar, padrão de alta, é formado quando o preço se move rapidamente para baixo e depois retorna com a mesma rapidez. Assim, o corpo da vela é pequeno em relação às sombras superior e inferior.

Como resultado, os Pin Bars têm um longo “cabo” que fica para fora do corpo da vela, geralmente na extremidade oposta do movimento do preço.

Por exemplo, se o preço cair e se formar uma Pin Bar bullish, o “cabo” estará na parte superior da vela.

Isso indicaria que, apesar do movimento descendente do preço, houve uma forte pressão de compra que impediu que o preço caísse ainda mais.

Se este fosse um mercado de tendências de baixa, isso poderia ser um sinal de reversão.

Padrão de reversão de baixa – Pin Bar Bearish

Pin Bar de Baixa

O padrão bearish Pin Bar, padrão de baixa, é formado quando o preço se move rapidamente para cima e depois retorna com a mesma rapidez. Dessa forma, o corpo da vela é pequeno em relação às sombras superior e inferior.

Como resultado, os Pin Bars têm um longo “cabo” que fica para fora do corpo da vela, geralmente na extremidade oposta do movimento do preço.

Por exemplo, se o preço subir e se formar uma Pin Bar bearish, o “cabo” estará na parte inferior da vela.

Isso indicaria que, apesar do movimento ascendente do preço, houve uma forte pressão de venda que impediu que o preço subisse ainda mais.

Se este fosse um mercado de tendências de alta, isso poderia ser um sinal de reversão.

Porque se forma o padrão Pin Bar ?

Existem duas razões principais para a formação do Padrão Pin Bar:

  1. Rejeição de um nível chave de suporte ou resistência
  2. Mudança na dinâmica do mercado

Na primeira situação, os touros ou ursos tentam empurrar o preço para um novo nível, mas são rejeitados. Isso geralmente acontece depois de um movimento de tendência já estabelecido. Os traders que estão agindo contra a tendência geralmente usarão esses níveis chave para sair de suas posições antes que o mercado se volte contra eles.

Na segunda situação, o Padrão Pin Bar indica uma mudança na dinâmica do mercado. Por exemplo, a formação de um padrão Pin Bar Bearish em uma tendência de alta indicará uma reversão da tendência.

Quais fatores que potencializam o Pin Bar?

O primeiro fator é a confluência, ou seja, a existência de vários fatores que confirmam o sinal.

No contexto dos Pin Bars, isso significa que você deve procurar sinais de reversão em áreas de suporte e resistência, linhas de tendência e níveis Fibonacci importantes.

Quanto mais fatores você puder reunir para apoiar seu sinal, mais provável será o sucesso do seu comércio.

O tempo gráfico também desempenha um papel importante na força do Pin Bar. Pin Bars em períodos de tempo menores tendem a ser menos confiáveis ​​do que aqueles formados em quadros de tempo maiores.

Isso ocorre porque os movimentos nos quadros de tempo menores tendem a ser mais aleatórios e imprevisíveis ​​do que aqueles nos quadros de tempo maiores.

Como usar Pin Bar em sua negociação

Pin Bars com suporte e resistência

Os Pin Bars podem ser particularmente úteis ao negociar níveis de suporte e resistência.

Os Pin Bars surgem do conflito entre os compradores e os vendedores. Isso pode acontecer em um nível de suporte ou resistência importante no mercado. Quando isso acontece, é um sinal de que o mercado está se preparando para uma reversão.

Por exemplo, imagine que o preço está se aproximando de um nível de resistência importante. Se formar um Pin Bar bearish neste nível, é um sinal de que o preço pode reverter e voltar para baixo. Isso nos dá a chance de entrar em uma posição vendida com uma boa relação risco / retorno.

Pin Bars e Linhas de tendência

Outro lugar onde os Pin Bars podem ser particularmente úteis é na negociação linhas de tendência.

Uma das coisas mais importantes que você precisa saber sobre as linhas de tendência é que elas geralmente representam áreas onde o mercado está indeciso.

Se o mercado estiver se movendo para cima e encontrar uma forte linha de tendência ascendente, isso significa que os compradores estão enfrentando alguma resistência significativa.

Um Pin Bar bearish nesta área, é um sinal de que a tendência pode reverter e começar a cair.

Pin Bars e Padrões de Candlestick

Você também pode usar os Pin Bars ​​com outros padrões candlestick para confirmar reversões potenciais.

Por exemplo, se tivermos o padrão Engolfo de baixa em um gráfico diário, mas não temos certeza se o mercado realmente vai reverter, podemos olhar para procurar um Pin Bar de baixa no gráfico horário para confirmar a reversão potencial.

Isso nos dará maior confiança para entrar em uma posição curta sabendo que há pelo menos duas formações indicando a possibilidade da reversão do mercado.

Pin Bars e Médias Móveis

Pin Bar usando a média móvel 200 como suporte

As médias móveis ​​também podem ser usadas com Pin Bars para confirmar reversões potenciais no mercado.

Por exemplo, imagine que temos uma média móvel simples (SMA) de 200 períodos no gráfico diário do EUR / USD e vemos que o preço está se movendo abaixo desta média móvel há algum tempo.

No entanto, recentemente vemos alguns dias em que o preço fecha acima da SMA 200 período por algum tempo antes voltando abaixo dele novamente – talvez até mesmo formando alguns pequenos Pin Bars de alta nesta área antes de voltar abaixo da SMA 200 períodos.

Isso nos diz que apesar do fato do mercado ter sido fraco por algum tempo agora (abaixo da SMA 200), existem sinais indicativos da possibilidade da reversão do mercado (pequenos pins bullish).

Portanto, essa seria uma boa área para considerar entrar em posições compradas com stop loss colocado abaixo das recentes mínimas formadas abaixo da SMA 200 períodos.

Pin Bar e Bandas de Bollinger

Bandas de Bollinger e Pin Bar

As Bandas de Bollinger também podem ser usadas em conjunto com os Pin Bars para identificar as inversões de mercado.

Por exemplo, se observarmos que o preço tem sido negociado dentro de uma faixa apertada por um longo período de tempo e, em seguida, vemos uma grande barra com o padrão Pin Bar de baixa na faixa superior da Banda de Bollinger.

Isto poderia ser uma indicação de que o mercado está pronto para reverter para baixo após ter sido “comprado em excesso” na tendência de alta anterior dentro da faixa apertada.

Essa situação é uma boa oportunidade de entrar em uma posição vendida com um stop loss colocado acima da máxima do candle com o padrão Pin Bar de baixa e uma meta de lucro pelo menos igual ao tamanho da barra.

Dicas para negociar barras de pinos com sucesso

Tenha paciência

O mais importante ao negociar barras de pinos é ser paciente e esperar a configuração correta para formar.

Há inúmeros sinais falsos a cada dia em todos os períodos de tempo, mas se você esperar pacientemente e somente negociar quando uma barra de pino se formar em um nível chave no mercado, você aumentará drasticamente suas chances de sucesso.

Entre apenas após a configuração (candle fechado)

Uma vez formada o Pin Bar, muitas vezes é melhor entrar no comércio após o preço ter voltado ao nível da cauda da barra de pino. Desta forma, você pode entrar no comércio com uma parada de perda menor e ter melhor risco: potencial de recompensa.

Coloque seu stop loss abaixo da mínima do Pin Bar

Ao colocar seu stop loss, é importante colocá-lo abaixo da mínima do candle que deu o sinal (compra) ou acima da máxima (venda).

Desta forma, se o preço se mover contra sua direção, você saberá que provavelmente é um sinal falso e poderá sair rapidamente do tarding sem muita perda.

Obtenha lucro a uma razão de 1:2 ou 1:3

Os traders que tem mais sucesso com este padrão visam relações de lucro de 1:2 ou 1:3, ou seja, buscam ganhar duas ou três vezes mais dinheiro do que eles arriscaram no trade.

Embora estas metas de lucro possam parecer pequenas à primeira vista, lembre-se que com uma taxa de risco / retorno de 1:3, você só precisa ganhar 33% de suas negociações para ter lucros!

Robô trader Pin Bar

Se gostou do padrão e deseja colocá-lo em prática, a forma mais prática é utilizando um robô trader. A seguir eu vou te mostrar um passo a passo bem simples de como você pode criar do zero um robô para operar o Pin Bar na plataforma Metatrader 5.

1 – Baixar Metatrader 5

O primeiro passo é baixar e instalar a plataforma Metatrader 5, caso você ainda não tenha.

Ela é a plataforma de negociação mais usada no mundo e, um dos principais motivos para isso é a sua expertise em operações automatizadas, uso de robôs traders.

2 – Baixar e instalar o SDIN4

O passo seguinte é baixar e instalar o robô trader SDIN4. Para isso basta clicar no botão abaixo, inserir os dados e em seguida receberá no e-mail o arquivo.

Depois de fazer o download do arquivo, basta abrir a plataforma Metatrader 5 e navegar no menu Arquivos > Abrir pasta de dados > MQL5 > Experts e colar o arquivo recebido por e-mail.

Após colar o arquivo pode fechar a pasta e retornar para a plataforma.

O passo seguinte é ir até “Navegador”, na lateral esquerda. Clicar com o botão direito em “Consultor Expert” e em seguida “Atualizar”.

instalar robo trader SDIN4

3 – Acessar o testador de estratégias com o SDIN4

Para isso clicamos no robô SDIN4 com o botão direito e em seguida em “Teste”.

Abrir SDIN4 no testador de estratégias

Ao fazer isso será aberta a caixa do Testador de Estratégias. Nessa tela nós vamos selecionar a opção “Único” e em seguida até a guia “Parâmetros de entrada” ao lado.

Abrir parâmetros de entrada para configurar estratégia no sdin4

Agora basta fazer a configuração da estratégia e colocar para rodar.

4 – Configurar a estratégia

1 – Nome da configuração e número mágico

2 – Configurar o Pin Bar

Pin Bar no SDIN4

3 – Configurar os indicadores para entrada e saída

Depois configurar o indicador é preciso informar para o robô quantos indicadores serão usados para entrada, saída e filtros.

4 – Configurar o lote

Por fim, vamos configurar o lote. Aqui eu deixei como 0.00, o que quer dizer que o robô usará o menor lote possível do ativo. Ou seja, se tiver operando mini índice, será um contrato. Já se estiver operando ações no lote padrão será 100, e assim por diante.

Você ainda pode fazer outras configurações adicionais como configurações de take profit e stop loss, configurações de horário, metas de ganho e limite de perda diário e muito mais.

5 – Salvar as configurações

Com todas as configurações realizadas basta clicar com o botão direito e depois em “Salvar”. Na caixa que se abre bastar dar um nome para o arquivo e escolher um local para salvar.

6 – Colocar o robô para rodar

Agora basta ir até a caixa navegador. Depois em Consultor Expert clica no sinal de + para expandir. Agora basta puxar o robô para o gráfico.

Na janela que se abrir navegue até a aba “Parâmetros de entrada, clicar em “Abrir” e navegar até o arquivo que você salvou. Seleciona o arquivo e clica em Abrir.

Em seguida basta ir até o local onde salvou o arquivo, selecionar e clicar em Abrir. Ao fazer isso as configurações serão carregadas no robô e basta clicar no botão “OK”.

7 – Habilitar o algotrading

Por fim, basta confirmar se o algotrading está ativo. Por isso, primeiro verifique se o chapéu que indica o robô está azul (operando) ou cinza (desabilitado).

Se estiver azul, está tudo ok. Se estiver cinza siga habilite o algotrading, como mostrado na imagem abaixo.

1) Se ainda ainda o chapéu continuar cinza, vá até a barra lateral esquerda “Navegador” e clique no sinal de 2) “+” para expandir as contas.

3) Vá até a conta que está rodando o robô e clique no “+” para mostrar os robôs que estão no gráfico.

Em seguida 4) habilite o Algotrading clicando no nome.

Após isso, volte para o gráfico, dê um clique e confirme que o chapéu está azul, indicando que o robô está ativo e aguardando para fazer entradas.

Conclusão

O Pin Bar é uma ferramenta poderosa que pode ser usada para maximizar seus lucros. E agora que você já sabe exatamente o que é, como ela funciona e estratégias práticas de aplicação, pode usá-la a seu favor em qualquer condição de mercado.

Além disso, você também pode combinar esse padrão com outros indicadores técnicos, Price Action e a Barra de Pino pode lhe dar uma vantagem em sua negociação.

Gostou do conteúdo? Então assine o canal do YouTube e veja outras estratégias matadores que te ajudarão a ganhar 5 mil por mês no automático.

Carlos Eugênio

Fundador da Sociedade de Investidores. Investidor e Trader desde 2017 e Mestre em Engenharia de Produção (UFPE). Quer saber mais? Clique aqui.

Receba conteúdo exclusivo

Veja também…

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest

Share This